Beauty

O manual da preparação de pele

Por Ju Acácio - 07 de abril de 2020

Oi gente! 

Outro dia abri aquela caixa de perguntas no Instagram e recebi pedidos para fazer mais tutoriais de preparação de pele. Fiquei surpresa, viu? Isso porque todos, ou pelo menos a maioria dos meus tutoriais tem preparação de pele, e daquelas bem completinhas, na minha opiniòn. Eu curto muito esta etapa da maquiagem! Mas aí, logo depois de ficar surpreendida com este pedido de vocês, cheguei a conclusão de que, justamente por terem tantas preparações de pele diferentes nos tutoriais (meus e de outrxs bloggers e maquiadorxs), com ordens e produtos distintos, rola uma confusãozinha mesmo, é normal. 

Dito isso, estou aqui, pronta para tentar responder e tirar as principais dúvidas que apareceram entre as seguimoras. Fique a vontade para consultar este post sempre que tiver dúvida. E ainda, se alguma pergunta ficar sem resposta, esteja a vontade para entrar em contato comigo. Combinadis?

7 passos para você arrasar na preparação de pele

Qual o primeiro passo?

O primeiro passo de todos, mas de todos mesmo, é saber o seu tipo de pele. Você sabe porque é tão importante isso? Eu explico. A tecnologia dos produtos leva em consideração as características da sua pele, então, se você usa um produto que não é apropriado para as suas necessidades, o acabamento pode ficar comprometido. Um exemplo simples:

  • Uma pessoa que tem pele oleosa e aplica um hidratante facial para pele seca, pode produzir ao longo do dia mais oleosidade e isso faz com que a maquiagem tenha excesso de brilho. Ui!

Por isso, esteja atenta às suas necessidades, se é hidratação, se é controlar o brilho, se é ter mais luminosidade e por aí vai. 

Pele limpa é fundamental na preparação da pele 

Para que os produtos sejam absorvidos pela derme é essencial que a pele esteja limpa. Simples assim. Transpiração, poluição, oleosidade, células mortas. Um conjunto de possibilidades para te lembrar: mesmo que a aparência seja de uma pele limpa, ela pode não estar. A partir daí, existem algumas opções para higienizar:

  • Lavar o rosto apenas com água;
  • Lavar o rosto com água e sabonete facial;
  • Limpar o rosto com soro fisiológico;
  • Aplicar tônico;
  • Aplicar água micelar;
  • Fazer uma esfoliação leve;

Hidratar, independente do seu tipo de pele

A sua pele está sempre com sede. Tudo bem, não é exatamente assim, MAS, acho didático explicar desta forma. Pense assim, se você não dá água para o seu rosto, ela vai acabar por sugar a água de produtos que você vai aplicar, como base ou primer. Afinal, ela está com sede, certo? O resultado é um acabamento comprometido, porque em alguns lugares mais desidratados do rosto, a maquiagem vai ficar com aquele acabamento “craquelado”. 

Primer é fundamental?

Não. No entanto, o primer ajuda muito na durabilidade e acabamento. 

Com relação a durabilidade: Aplicar primer após hidratar a pele acaba por ser também uma “proteção” para que a sua pele não sugue a água da base. 

Com relação ao acabamento: Existem muitos acabamentos possíveis, tem que escolher aquele que mais vai funcionar para você. Existem primers que tem partículas de brilho para deixar a pele iluminada. Existem outros que matificam, ou seja, deixam a pele oleosa sem brilho e com efeito aveludado. Existem primers mais molhadinhos para quem gosta de um efeito mais glossy. Antes de sair comprando, analise o seu tipo de pele e qual acabamento deseja, combinado?

Corretivo ou Base, o que passar primeiro?

Tanto faz, você escolhe. Que tal um dia começar por um e no outro dia inverter a ordem? Passar base antes, já deixa a pele uniformizada e assim, você tende a usar menos corretivo. Muitas vezes, você vai aplicar a base e  já vai ficar satisfeita com a uniformidade e pode ser que nem queira passar corretivo. O oposto também, olha só: a dica agora é experimentar não passar base e fazer aplicação do corretivo somente em zonas mais pigmentadas, como olheiras e manchinhas de espinha. Quanto menos produto usarmos, melhor né? Tanto para o nosso bolso quanto para o acabamento em si. Passar uma quantidade exagerada de base ou corretivo compromete o resultado, que fica pesado e ainda pode acumular nas linhas finas. 

Nesta etapa também, após aplicação de base & corretivo que vem o uso do pó, e diga-se de passagem, é totalmente opcional. Na maioria das vezes não aplico para evitar acumular produto nas linhas finas, mas vale lembrar que: moro em um lugar seco e minha pele não é nada oleosa. Agora, se você tem pele oleosa e está em um lugar quente, pode ser que o pó seja um grande amigo. 🙂

Contorno é obrigatório?

Não, eu inclusive pulo esta etapa algumas boas vezes. 🙂 

A função principal do contorno é devolver curvas e criar sombras, para que o rosto retome uma aparência natural. Depois da base e do corretivo, a aparência que fica é de uma tela em branco, concorda? Só que o nosso rosto tem volume e profundidade e, utilizar a técnica do contorno, é justamente devolver volume e profundidade, através de alguns produtos para esta função. Locais? É complicado indicar porque cada rosto é um rosto, néan? Mas no geral: fundinho das bochechas, contorno do rosto próximo à raíz do cabelo, abaixo das mandíbulas. Não vejo muita graça em afinar nariz, diminuir muito a testa, essas coisas. Costumo utilizar a técnica do contorno para devolver curvatura para o rosto, como falei antes. 🙂 

Produtos com subtons mais frios simulam a sombra natural. Já aqueles que com fundo mais quente e alaranjado, podem deixar a make com aparência mais bronzeada. Acho lindo as duas propostas! 

Iluminador, blush and aguinhas finalizadoras   

Para finalizar, a etapa “pele”, vamos com este combo maravilhoso, e eu diria que esta ordem de iluminador + blush + fixador é a minha sequência favorita. Aplicando o iluminador antes, o brilho fica literalmente “por baixo do blush” e eu acho mais chic assim. Mas enfim, nem eu mesma faço assim todas as vezes. 

Iluminador: Os pontos estratégicos para dar mais radiância ao rosto são: têmporas, topo do nariz ou só na pontinha, cantinho interno do olho, abaixo das sobrancelhas e no arco do cupido. O iluminador também funciona como sombra, ok?

Dúvidas de como aplicar o blush? Pense assim, as regiões do rosto que ficam mais ruborizadas quando você pratica uma atividade física (por exemplo) é exatamente onde você deve aplicar o blush. Ou ainda: tomou sol no final de semana e ficou com aquele aspecto incrível de ‘corada pós-praia´. Além das bochechas, o topo do nariz também fica “queimadinho”, não fica? Então, você pode brincar com o blush ali, como eu apontei nestas duas situações.

Fixador de maquiagem: Para arrematar a make, uma bruma de água termal, finalizador (fixador) ou água de beleza, são uma ótima pedida! São muitos nomes e produtos para a mesma função, por isso esteja atenta. Alguns dão acabamento matte, outros entregam frescor e glow. Veja na embalagem ou confira alguns reviews antes de investir em algum destes lindinhos, que são ótimos mas não costumam ser tão baratinhos. Uma coisa é certa: os fixadores ou as águas ajudam muito a “assentar” e dar muito mais durabilidade à make. 🙂

Espero ter ajudado e respondido tudo, na medida do possível. E você? Faz mais alguma etapa ou de forma muito diferente? Me conta!

Beijinhos 

0 Comments

Fatal error: Uncaught Error: Call to undefined function related_posts() in /home/storage/2/48/19/juacacio1/public_html/wp-content/themes/plicplac/single.php:30 Stack trace: #0 /home/storage/2/48/19/juacacio1/public_html/wp-includes/template-loader.php(106): include() #1 /home/storage/2/48/19/juacacio1/public_html/wp-blog-header.php(19): require_once('/home/storage/2...') #2 /home/storage/2/48/19/juacacio1/public_html/index.php(17): require('/home/storage/2...') #3 {main} thrown in /home/storage/2/48/19/juacacio1/public_html/wp-content/themes/plicplac/single.php on line 30

Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0